OSM semanal 472

30/07/2019-05/08/2019

Logo

How to carve OSM data into a slade plate – by Harald Hartmann 1 | Foto © Harald Hartmann | Map data © OpenStreetmap contributors

Mapeamento

Comunidade

  • Roland Olbricht apresentou o manual do utilizador para o Overpass API. Apesar do manual ser um projeto em desenvolvimento, os capítulos importantes “Introdução”, “Seleção de Dados Espaciais” e “Encontrar Objetos” estão prontos a serem consultados. O Roland agradece o feedback que lhe possam dar, na lista de discussão ou no rastreador de problemas do GitHub.
  • Harald Hartmann escreveu um guia sobre como (translation) colectar dados do OpenStreetMap e convertê-los num formato que pode ser usado para esculpir uma cópia em programa, usando um controlo numérico de computador.
  • Cepesko deu início a uma discussão (translation) sobre a existência ou não de um Parque natural bávaro de Spessart.
  • Ilya Zverev está, uma vez mais, a organizar as votações para os Prémios OSM 2019. Ele anunciou que as votações estão abertas.

Eventos

  • GeoForAll está a organizar uma reunião na quarta-feira, 28 de agosto de 2019, das 18:00 às 19:30 (hora de Bucareste) na FOSS4G 2019, na qual as ideias para o futuro serão discutidas e planeadas. A reunião será semelhante à reunião GeoForAll da FOSS4G 2018 e tem como objetivo reunir colegas de todo o mundo para planear a expansão de princípios abertos em ciência e educação.

OSM Humanitário

  • Felix Delattre apresentou uma atualização no trabalho que está a ser feito nos últimos seis meses para melhorar o Gerenciador de Tarefas do HOT. Uma pesquisa sobre a experiência dos utilizadores foi realizada em fevereiro e março para entender melhor como estes usavam o software e como passavam o tempo no software. Com base nos resultados da pesquisa, a HOT planeia integrar melhor o Tasking Manager com o iD, a fim de melhorar a experiência dos mapeadores e fornecer instruções ao utilizador numa única ferramenta. Isto permitirá que os mapeadores reportem a partir de uma tarefa diretamente de dentro do editor iD integrado. A integração também abre caminho para preencher dinamicamente o editor iD com predefinições de marcação e regras de validação específicas, dependendo dos recursos do mapa solicitados por organizações humanitárias em cada um dos diferentes projetos.

switch2OSM

  • A companhia aérea espanhola Air Europa utiliza OSM para exibição nos voos e informa os passageiros sobre qual a fonte desta informação. 😉 Julio Costa Zambelli acrescenta no Twitter que Flightpath3D é o fornecedor de várias companhias aéreas.
  • Raúl Pérez, de Espanha, anunciou no Twitter que conseguiu integrar o mapa base OpenStreetMap no plugin WordPress “Calendário de Eventos” e publicou um blogue sobre como fazê-lo. Até agora, ninguém lhe deu feedback sobre a solução, nomeadamente se funciona.
  • O grande site de reservas de hotéis russo Ostrovok.ru, agora, usa um mapa baseado em OSM com um estilo personalizado, mas sem atribuição correta.

Licenças

  • Nuno Caldeira reclamou, com ironia, que nem a Mapbox, nem o Facebook seguem as regras de atribuição do OpenStreetMap.
  • Takayuki Ishino chamou a atenção para uma discussão que está a ocorrer na comunidade de mapeamento japonesa sobre propostas de alteração da lista de recursos de dados adequados para serem utilizados no OpenStreetMap.O ponto principal em questão é se estamos autorizados a usar sites oficiais que fornecem informações primárias ou não. A resposta parece ser uma questão de quantos itens se podem copiar, antes que um site seja protegido por direitos de banco de dados.

Programação

  • Iason Manoloudis apresentou uma atualização sobre o progresso feito na implementação dos recursos de renderização de sinais 3D Traffic para o OSM2World, um conversor que gera modelos 3D do mundo, a partir de dados do OpenStreetMap. A finalização da tarefa de catalogação de sinais de tráfego traz um recurso muito desejável no OSM2World: ser capaz de definir e configurar materiais, somente por meio do arquivo de configuração, sem a necessidade de que eles existam em Materials.java.
  • Wikidata, o projeto da Wikimedia para criar uma loja de conhecimento estruturado, tem o potencial de melhorar o cálculo das pontuações de importância em Nominatim. Por exemplo, quando os itens do mundo real têm nomes idênticos, a capacidade de diferenciar entre locais OSM, usando propriedades não cobertas pelo OSM poderia ajudar a obter resultados de geocodificação mais relevantes, etc. tchaddad, que está a trabalhar num projeto do Google Summer of Code, faz-nos uma introdução ao Wikidata e como as entradas são armazenadas e extraídas, utilizando como exemplo a Torre Eiffel. descreve-se como o Wikidata pode ser usado para ajudar a Nominatim.

Releases

  • OsmAnd lançou uma nova versão da sua app OsmAnd Tracker. A app Tracker permite que os utilizadores partilhem a sua localização via Telegram. A nova versão tem uma faixa ao vivo que mostra as faixas em tempo real dos seus contatos num mapa do OsmAnd.

Você sabia que…

  • … as várias tags ref em paragens de transportes públicos? ref normalmente obtém o número de referência do operador local enquanto ref: IFOPT é um identificador único internacional (na Europa continental). Se as diferentes posições das paragens tiverem números ou letras a marcá-las, isso pode ser etiquetado como local_ref.
  • … como etiquetar um caminho que é bem visível no solo? A etiqueta é trail_visibility. Essa propriedade é independente das outras propriedades do caminho, como width, lisura, surface – a forma de um lago salgado pode ser larga, lisa, bem como pavimentada, mas difícil de ver.
  • … os LightningMaps? Em tempo real, a tempestade pisca num mapa baseado em OSM.
  • … a Direção Regional do Ambiente, um serviço do Governo Regional dos Açores, em Portugal, disponibiliza o site Na Minha Ilha, onde todos os cidadãos podem comunicar ocorrências ambientais (poluição, resíduos abandonados, ruído, fauna e flora ameaçadas de extinção, …). A geolocalização das ocorrências é feita com base nos dados do OSM e com a devida atribuição.

Outros assuntos “geo”

  • Azavea lançou uma comparação online das plantas de edifício do Microsoft Bing dataset com as do OpenStreetMap.
  • A Mapbox está a oferecer um preço ofensivo oferecendo suporte por e-mail com tempos de resposta garantidos, por 50 dólares por mês. Paul Ramsey comenta no Twitter que a Mapbox está a desperdiçar dinheiro para aumentar sua participação no mercado.
  • Em 1969, duas empresas abriram as portas e iniciaram as suas jornadas rumo ao desenvolvimento de algumas das tecnologias mais eficazes usadas atualmente. A Intergraph, agora Hexagon (mas iniciou suas operações como M & S Computing), e o Environmental Systems Research Institute, agora Esri, foram lançados naquele ano. A Directions Magazine tem um artigo em duas partes, de Joe Francica, no qual ele nos conta a história do desenvolvimento do GIS comercial nos períodos de 1969-1994 e 1994-2019 na sua perspetiva.
  • A aprendizagem profunda e de máquina (deep machine learning) está a tornar-se mais popular no campo da criação de mapas. Benjamin Herfort noticia o trabalho realizado para combinar dados crowdsourced do MapSwipe, com dados com origem na aprendizagem profunda, aplicados a imagens de satélite e dados do OpenStreetMap, para delinear áreas de povoamento humano. O método combinado produziu mapas mais precisos do que a versão somente crowdsourced, mas reduziu os esforços voluntários necessários em pelo menos 80 pontos percentuais para todos os locais de estudo.
  • Em março deste ano em Addis Abeba, na Etiópia, o governo australiano juntou-se a The Leona M. e a Harry B. Helmsley Charitable Trust para anunciar um esquema de financiamento para o estabelecimento de um Cubo de Dados para a África noticia o Space in Africa. O Data Cube, desenvolvido pela Geoscience Austrália, é uma plataforma de código aberto baseada em nuvem para processamento e análise de observações da Terra.
  • A empresa polaca TatukGIS está a fornecer o seu próprio servidor web de OSM hospedado (mapa do mundo) como um serviço gratuito para uso com o seu software. Os blocos de mapas estão disponíveis em quatro estilos diferentes: padrão com rotulagem de nome de idioma nativo, padrão com rotulagem de nome em inglês, hillshade com rotulagem de nome de idioma nativo e hillshade com rotulagem de nome em inglês.
  • O monocarril da cidade alemã de Wuppertal, ou Schwebebahn, que havia sido fechado há quase nove meses, reabriu. Com um bilhete de 24 horas por € 7,10, pode, mais uma vez, fazer um voo aéreo nas costas de um “dragão de aço” ao longo do Rio Wupper.

Próximos eventos

undefined undefined undefined undefined
Stuttgart Stuttgarter Stammtisch 2019-08-07 germany
San José Code for San José Summer Mixer [1] 2019-08-08 united states
Cottbus 134. Brandenburg-Berlin Stammtisch 2019-08-09 germany
Fortaleza 15th Birthday in Fortaleza-CE 2019-08-09 brazil
Salt Lake City 15th Birthday Salt Lake City Mapping Party 2019-08-10 united states
Taipei OSM x Wikidata #7 2019-08-12 taiwan
Bourdel Réunion mensuelle 2019-08-12 france
Salt Lake City OSM Utah 15th Birthday Drinks 2019-08-13 united states
Zürich OSM Stammtisch Zurich 2019-08-13 switzerland
Hamburg Hamburger Mappertreffen 2019-08-13 germany
Munich Münchner Stammtisch 2019-08-14 germany
Wuppertal OSM-Treffen Wuppertaler Stammtisch im Hutmacher 18 Uhr 2019-08-14 germany
Osaka みんなで東淀川区の魅力を発信しよう! 2019-08-18 japan
Melbourne Indigenous name mapathon 2019-08-20 australia
Cologne Bonn Airport Bonner Stammtisch 2019-08-20 germany
Lüneburg Lüneburger Mappertreffen 2019-08-20 germany
Lübeck Lübecker Mappertreffen 2019-08-22 germany
Kameoka 京都!街歩き!マッピングパーティ:第11回 出雲大神宮 2019-08-24 japan
Bremen Bremer Mappertreffen 2019-08-26 germany
Salt Lake City SLC Map Night 2019-08-27 united states
Düsseldorf Stammtisch 2019-08-28 germany
Minneapolis State of the Map U.S. 2019 [4] 2019-09-06-2019-09-08 united states
Dinedin FOSS4GUK 2019 2019-09-18-2019-09-21 united kingdom
Heidelberg Erasmus+ EuYoutH OSM Meeting 2019-09-18-2019-09-23 germany
Heidelberg HOT Summit 2019 2019-09-19-2019-09-20 germany
Heidelberg State of the Map 2019 [5] 2019-09-21-2019-09-23 germany
Dhaka State of the Map Asia 2019 2019-11-01-2019-11-02 bangladesh
Wellington FOSS4G SotM Oceania 2019 2019-11-12-2019-11-15 new zealand
Grand-Bassam State of the Map Africa 2019 2019-11-22-2019-11-24 ivory coast

Nota: Quer ver seu evento publicado aqui? Então adicione-o no calendário. Apenas os dados que forem inseridos lá aparecerão no weeklyOSM. Por favor, verifique as informações de seu evento através da pré-visualização pública, e corrija-a, e corrija-a se necessário.

Este semanalOSM foi produzido por Nakaner, Rogehm, TheSwavu, derFred, geologist, lucaslasota.