semanárioOSM 454

26/03/2019-01/04/2019

Logo

The Magic Roundabout – in OSM with some “mapping for the renderer” 1 | © Alby (CC BY-SA 2.0)

Mapeamento

  • O utilizador yumean1119 anunciou o início da votação para melhoria da proposta de highway=cycleway no Japão. O fim da votação é no dia 14 de abril..
  • Silent Spike propõe leisure=inflatable_park para parques infantis com insufláveis e pede que comentem a sua proposta.
  • Se alguma vez pretender adicionar uma etiqueta numa linha ferroviária que não é usada regularmente por comboios ou metropolitano, talvez esteja interessado na proposta de SelfishSeahorse. O período aberto a comentários e sugestões já começou e o feedback será muito bem-vindo.
  • Warin abre a sua proposta a discussão sobre a possibilidade de introdução de áreas de escadarias, como é o caso da Escadaria Espanhola em Roma.
  • A votação na proposta que foi elaborada para distinguir os diversos tipos de instalações policiais foi interrompida permitindo mais discussões sobre o tema.

Comunidade

  • O coro de vozes, preocupado com a forma como o desenvolvimento do iD está a ser organizado, especialmente como o iD influencia a etiquetagem no OSM, tem aumentado de tom. Desta feita, Frederik Ramm, membro do conselho da OSMFoundattion e do capítulo alemão da OSM, mostrou (de) as suas preocupações e pediu opiniões sobre se e qual procedimento deveria ser adotado.(tradução automática)
  • Bryan Housel, o administrador refere que o editor do iD alterou o titulo de um tema no GitHub de “O tipo de faixa é importante, por isso, destaque as faixas com a etiqueta ausente no mapa” para “Aviso para faixa com o tipo de pista ausente”. Na controversa discussão que se seguiu, ele confirmou a questão colocada por @matkoniecz que o iD deliberadamente provoca “falta de segurança para a maioria dos carros” com a definição de highway=track e ele “basicamente desconsiderou tudo o que consta na lista de discussão de marcação e na wiki do OSM”. Esta posição foi recentemente usada como exemplo na discussão que se seguiu ao post de Frederik Ramm em relação ao artigo anterior, no qual as ramificações do iD para a comunidade OSM ou a separação do código do editor das predefinições de etiquetagem, foram discutidas.
  • O período de candidaturas para o Campo de Verão de Código Aberto da Google, deste ano, começou e, como em anos anteriores, o OSM foi aceite como uma organização orientadora. Tu, enquanto estudante, tens a oportunidade de receber por trabalhar em projetos de código aberto como o OSM.
  • Um antigo membro do OSMF, Ilya Zveryev, aponta crítica (automatic translation) à ‘do-acracy’ do OSM.
  • O OpenStreetMap na Bélgica publicou um artigo com o título Património da Flandres e Projetos de Crowdsourcing e explica como adicionar informação sobre património no OSM e em projetos Wikimedia, como é o caso da Wikipédia, Wikidata, e Comuns da Wikimedia. O artigo não se foca apenas na recolha e adição de informação, mas também na forma como se poderá utilizar essa informação nos locais históricos.

Fundação OpenStreetMap

Eventos

  • A Conferência Albanesa de Código Aberto OSCAL 2019, que ocorrerá a 18 e 19 de Maio de 2019, em Tirana, na Albânia, está à procura de palestrantes.
  • Para os construtores de mapas que gostam de planificar com antecedência: O FOSSGIS 2020, uma conferência geoespacial na Alemanha que cobre muito do que se faz em código aberto, dados abertos e temas OSM, acontecerá entre 11 e 14 de março de 2020, em Freiburg im Breisgau, na Alemanha. O artigo destaca (de) também os pontos principais da recente conferência. (tradução automática)

OSM Humanitário

  • Depois dos pedidos que o HOT recebeu de vários parceiros humanitários, o Hot está a apoiar a melhoria dos mapas, em conjunto com as equipas que já prestam ajuda humanitária no terreno, nomeadamente em Moçambique, no Malawi e Zimbábue depois da passagem do Ciclone Idai. O HOT está especificamente à procura de pessoal com experiência como Especialista em Dados ou de ligação entre parceiros. Aparentemente, o Hot também aceita pessoal que queira ser reembolsado pela atividade a desenvolver.
  • Depois de o ciclone Idai ter atingido Moçambique e o Zimbábue, o HOT está à procura de ajuda para a resposta de emergência local como no caso dos Médicos Sem Fronteiras. O artigo explana as diferentes formas de apoiar os esforços.
  • A instância openrouteservice para gestão de desastres, gerida pelo Instituto de Geoinformação e Tecnologia de Heidelberg, está a apoiar a ativação do HOT, depois da passagem do Ciclone Idai, atualizando os dados das rotas, praticamente de hora a hora.
  • O usuário raphaelmirc pediu ajuda da comunidade no seu diário OpenStreetMapBR em prol do mapeamento do ciclone Idai, o qual atingiu Moçambique. O @HOTOSM abriu frentes de mapeamento das regiões afetadas pelo #CycloneIdai, as quais sofreram graves inundações, quer em Moçambique, quer em países vizinhos.

Mapas

  • O MapOSMaptic localizado em osm-baustelle.de implementou uma sobreposição de sombreamento de montes.
  • Andrew Harvey anunciou o relançamento de uma versão modernizada de BeyondTracks. O BeyondTracks começou em 2012 com o objetivo de ajudar as pessoas a encontrar passeios agradáveis na zona de Sidney na Austrália. O site expandiu-se para cobrir toda a Austrália e quem quiser sugerir um passeio é encorajado a entrar em contacto com BeyondTracks.

switch2OSM

  • Uma versão espanhola do website/webapp NewsHereNow está disponível.Simplesmente clique no botão “Usar a minha localização GPS” para descobrir restaurantes locais, não pertencentes às grandes cadeias.Se o seu restaurante favorito não aparecer, certifique-se que ele está no OpenStreetMap.Por conveniência, por baixo da tecla HERE/AQUI está localizado um botão que o leva ao OpenStreetMap, centrando-o a partir da sua posição.

Dados abertos

  • O EldoHub e o OpenStreetMap do Quénia receberam financiamento do Mapbox e do governo britânico para participarem no Dia dos Dados Abertos, que foi celebrado no dia 2 de março de 2019, com 300 eventos em todo o mundo. A Fundação do Conhecimento Aberto publicou um post num blog sobre os eventos no Quénia. Os eventos, neste país, aconteceram em EldoHub, uma plataforma de inovação tecnológica no condado de Uasin Gishu e em Nairobi, onde se realizou uma monotorização de mapeamento aberta para se discutir temas como dados espaciais abertos e mapeamento financiado via crowdsource.
  • A Agência Nacional Checa de Pesquisa acabou de publicar alguns dos seus dados, para uso comercial e não-comercial, como dados abertos. Assim temos mais uma ótima fonte de para o OpenStreetMap da República Checa.
  • No mapa de electricitymap.org visualiza-se as emissões de CO2 e outros detalhes sobre os países e a sua relação com produção e consumo de energia. O mapa ainda só existe em alemão. Contudo, é um projeto de código aberto e as pessoas que o estão a desenvolver pedem por ajuda na sua tradução.

Software

  • Nick Whitelegg anunciou o lançamento do Hikar 0.2.0, uma app de realidade aumentada para caminhantes. A app está disponível para Android e é de código aberto. A app, que ajuda os utilizadores com os trilhos e sinais no feed da máquina fotográfica, cobre toda a Europa.
  • O utilizador clementroux escreve (fr) (tradução automática) no seu blogue sobre a app Next2Me, que disponibiliza opções com a chave amenity=* num raio ajustável à nossa posição – e é claro, baseia-se no OSM.

Releases

  • O JOSM foi atualizado para a versão 14945. A validação teve várias melhorias e a função Add Tag mostra as últimas tags utilizadas e não apenas as últimas tags adicionadas.
  • A versão 0.12 do GraphHopper Routing Engine foi lançada. As restrições e custos das mudanças de direção são suportadas pelo módulo de velocidade, tornou-se o módulo Isochrone compatível com os transportes públicos e o cálculo da velocidade média foi melhorado.
  • O utilizador Wambacher está constantemente a atualizar a sua Lista de Software OSM, que inclui quase todo o software relacionado com OSM, bem como as datas dos seus lançamentos. Recentemente, Basecamp, Mapillary, Vespucci e muitos outros foram atualizados. Wambacher está a destacar uma nova adição: OSHDB, uma plataforma de análise de dados de alta performance para a história completa dos dados OSM.

Sabia que…\Conhece…

  • … como marcar uma paragem de autocarro que permite que o mesmo pare fora da via, não atrapalhando o trânsito? A etiqueta bus_bay pode ser adicionada ao nó da posição de paragem de autocarro – ou pode ser adicionada à estrada, representando o comprimento do espaço da paragem.
  • [1] … a “Rotunda Mágica“? No OSM parece-se com isto.

OSM nos média

  • O Le Monde descreve (tradução automática) a forma como os mapeadores locais, em várias cidades africanas, utilizam a app JungleBus pra mapear rotas de autocarros.
  • Editores na África do Sul tentam perceber melhor a possível ameaça ao OpenStreetMap, colocada pela Diretiva Comunitária de Copyright, do que os Deputados do Parlamento Europeu. Ou será que estes só se movem por interesses instalados?

Outras coisas “geo”

  • A implementação do ‘Strava Scramblers’ para reduzir conflitos em pontos muito utilizados irritou os utilizadores locais.
  • A Conferência AGILE em Limassol, Chipre ( de 17 a 20 de junho de 2019), sobre Tecnologias Geoespaciais para o Desenvolvimento Local e Regional, organizará um workshop intitulado ‘Aspetos GEOgráficos e CULturaiss da Geoinformação: problemas e soluções’ e convida-vos a submeter um pequeno ensaio escrito sobre o OSM.

Próximos eventos

Onde O quê? Data País
Kawagoe 川越お花見マッピングパーティ2019 2019-04-06 japan
La Riche La Riche (37)#Ateliers d’initiation à OpenStreetMap 2019-04-06 france
Quioto お花見!オープンデータソン in 京都 2019-04-07 japan
Rennes Réunion mensuelle 2019-04-08 france
Bordéus Réunion mensuelle 2019-04-08 france
Essen Mappertreffen 2019-04-08 germany
Taipé OSM x Wikidata #3 2019-04-08 taiwan
Toronto Toronto Mappy Hour 2019-04-08 canada
Lyon Rencontre mensuelle pour tous 2019-04-09 france
Munique Münchner Stammtisch 2019-04-09 germany
Salt Lake City SLC Mappy Hour 2019-04-09 united states
Viersen OSM Stammtisch Viersen 2019-04-09 germany
Colônia Stammtisch Köln 2019-04-10 germany
Buenos Aires Taller Introducción a JOSM en FOSS4G-AR 2019 2019-04-10 argentina
Leoben Stammtisch Obersteiermark 2019-04-11 austria
Zurique OSM Stammtisch Zurich 2019-04-11 switzerland
Berlim 130. Berlin-Brandenburg Stammtisch 2019-04-12 germany
Salt Lake City University of Utah Campus Mapping Party 2019-04-13 united states
Biella Incontro mensile 2019-04-13 italia
Aeroporto de Colônia-Bonn Bonner Stammtisch 2019-04-16 germany
Luneburgo Lüneburger Mappertreffen 2019-04-16 germany
Reutti Stammtisch Ulmer Alb 2019-04-16 germany
Toulouse Rencontre mensuelle 2019-04-17 france
Karlsruhe Stammtisch 2019-04-17 germany
Bremen Bremer Mappertreffen 2019-04-22 germany
Salt Lake City SLC Map Night 2019-04-23 united states
Nottingham Nottingham pub meetup 2019-04-23 england
Joué-lès-Tours Rencontre Mensuelle 2019-04-23 france
Barcelona #geomobBCN 2019-04-24 spain
Montpellier Réunion mensuelle 2019-04-24 france
Düsseldorf Stammtisch 2019-04-24 germany
Phone/Video Conferencing Mappy Hour US 2019-04-24 united states
Lübeck Lübecker Mappertreffen 2019-04-25 germany
Montpellier State of the Map France 2019 2019-06-14-2019-06-16 france
Angra do Heroísmo Erasmus+ EuYoutH_OSM Meeting 2019-06-24-2019-06-29 portugal
Minneapolis State of the Map US 2019 2019-09-06-2019-09-08 united states
Edimburgo FOSS4GUK 2019 2019-09-18-2019-09-21 united kingdom
Heidelberg Erasmus+ EuYoutH_OSM Meeting 2019-09-18-2019-09-23 germany
Heidelberg HOT Summit 2019 2019-09-19-2019-09-20 germany
Heidelberg State of the Map 2019 (international conference) 2019-09-21-2019-09-23 germany
Grand-Bassam State of the Map Africa 2019 2019-11-22-2019-11-24 ivory coast

Nota: Se pretender ver o seu evento aqui, por favor coloque-o no calendário. Só dados lá colocados aparecerão no weeklyOSM. Por favor, verifique o seu evento na nossa pré-visualização pública, e corrija-a se necessário.

Este semanárioOSM foi produzido por Elizabete, Nakaner, NunoMASAzevedo, Rogehm, SunCobalt, TheSwavu, derFred.

2 thoughts on “semanárioOSM 454

  1. I’m the author of the BeyondTracks site mentioned, I wanted to clarify the recent announcement we made was the launch of a new map style based on OpenStreetMap data designed to work better for Australian bushwalking, .

    Specifically we show most features from a much lower zoom level (based on an importance rank and density of other features).

    The database of walks on the site are not included in OpenStreetMap as these are mostly subjective opinions on good routes, but in keeping with the ODbL license are released as free and open source data.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *